32

Teatro Nacional D. Maria II

Fortunato Lodi, 1846

Abílio Leitão

Visitas Livres

Visita ao espaço sem acompanhamento, dentro do horário estipulado.

inclui acesso à exposição 'Teatro em cartaz: A coleção do D. Maria II, 1853-2015'

Visitas Comentadas

Visita ao espaço comentada pelo autor do projecto de arquitectura ou por um especialista convidado.

Visita de sábado com Carlos Vargas e visita de domingo com Paulo Prata Ramos; levantamento de bilhetes uma hora antes do início das visitas guiadas; limite de 2 bilhetes por pessoa

Visitas de Acessibilidade

Visitas com uma mediação adequada para um dos seguintes públicos: pessoas cegas e com baixa visão, pessoas surdas ou pessoas com deficiência intelectual.

Visita com interpretação em LGP, máx 30 pessoas, levantamento de bilhetes uma hora antes do início das visitas guiadas, limite de 2 bilhetes por pessoa

Open House Júnior

A Minha Casa é a Minha Cara →

Máximo 30 pessoas por visita

Visitas sem marcação; por ordem de chegada

Permitido fotografar

Descrição

Que este espaço “contribua para a civilização e aperfeiçoamento moral da nação portuguesa”. São palavras de Almeida Garrett, que idealizou este lugar de criação e o inaugurou a 13 de Abril de 1846, durante as comemorações do 27.º aniversário da rainha Maria II (1819-1853). Exemplo da arquitectura de estilo neoclássico, o projecto original é do arquitecto italiano Fortunato Lodi. Após a sua construção no século XIX, o Teatro foi alvo de várias intervenções, entre as quais uma reconstrução da autoria do arquitecto Rebelo de Andrade que recuperou o interior após um grave incêndio em 1964, reabrindo ao público em 1978.

www.tndm.pt/pt/

Localização

Praça D. Pedro IV

Direções: Google Maps / Apple Maps

Transportes Públicos

Autocarro: 15E, 711, 714, 736, 759, 760, 794

Metro: Rossio (Linha Verde), Restauradores (Linha Azul)

Comboio: Rossio (Linhas de Sintra e da Azambuja)